Mamografia

Atualizado: 5 de Nov de 2020

Você sabia que a mamografia de rastreamento é a principal forma de detecção precoce do câncer mamário.


A mamografia de rastreamento é uma estratégia da prevenção secundária como forma de descobrir o câncer mamário precocemente. Por ter alta resolução, o exame da mamografia consegue rastrear o câncer de mama na fase pré-clínica, fase na qual o câncer pode ser assintomático, ou seja, quando não é palpável.


O diagnóstico precoce e o tratamento nas fases iniciais podem diminuir em até 30% o risco de mortalidade, podem reduzir o número de mastectomias, sequelas e até a radicalidade do tratamento.

▫️ Toda mamografia é segura. Estudos mostram que mulheres submetidas à mamografia preventiva apresentam redução na mortalidade por câncer mamário e não apresentam maiores taxas de outros tipos de câncer correlacionadas.


A Sociedade Brasileira de Mastologia (@sbmastologia) recomenda que a mamografia seja feita anualmente a partir dos 40 anos por mulheres com risco habitual e a partir dos 30 anos por mulheres com alto risco (quando existe histórico familiar de câncer).


O Ministério da Saúde (@minsaude) recomenda que a mamografia seja feita a partir dos 50 anos a cada dois anos por mulheres com risco habitual e a partir dos 35 anos de forma anual por mulheres com alto risco.


A mamografia deve ser realizada seguindo as instruções da @sbmastologia e do @minsaude, porém a mamografia solicitada para investigar alguma alteração na mama que seja palpável deve ser realizada em qualquer idade.


O Autoconhecimento é o mais importante caminho para a descoberta de si mesmo.

A NOS/Estética (@nos.estetica) acredita que a informação é um dos meios para combater o câncer de mama. Neste Outubro Rosa e em todo o ano: Informe-se, previna-se, cuide-se.


#nosestetica#outubrorosa

.

.

Fontes: Sociedade Brasileira de Mastologia (@sbmastologia)

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo